Desenvolvendo módulos e maneiras de vendas

Posts marcados ‘Comércio eletrônico’

Comércio eletrônico fatura R$ 1,05 bilhão com saldões de janeiro, diz e-bit

Faturamento nominal e número de pedidos cresceram em relação à 2010, embora o valor do ticket médio tenha caído.

Durante a primeira quinzena de janeiro, os varejistas online que investiram pesado nas promoções faturaram R$ 1,05 bilhão, segundo a e-bit, empresa especializada em informações do e-commerce. Resultado 32% maior que o alcançado no mesmo período em 2011, quando os ganhos chegaram a R$ 802 milhões.

Os saldões da primeira quinzena de janeiro registraram 2,78 milhões de pedidos realizados pela internet, o que representa um aumento de 35% em relação à mesma época do ano passado, quando o número de pedidos atingiu 2,06 milhões. Já o ticket médio teve queda de 2%, passando de 388 reais para 379 reais.>/p>

“Ainda assim, esse valor [do ticket médio] é maior que a média do ano inteiro de 2011, quando os gastos com as compras online ficaram próximos dos R$ 350”, afirma a diretora da e-bit, Cris Rother.

Outro fato importante durante os saldões de início de ano, segundo a e.bit, foi a queda no índice de atraso nas entregas, de 19% em 2011 para 16%.

As categorias de alto valor agregado continuam sendo preferência e os descontos atraem ainda mais os consumidores. “Eletrodomésticos” foram os itens mais vendidos, “Informática” ocupou a segunda posição, seguida por “Eletrônicos”. Em quarto e quinto lugares ficaram “Casa & Decoração” e “Livros & Assinaturas e Revistas”, respectivamente. As categorias “Saúde, Beleza & Medicamentos”, em sexto lugar, e “Moda & Acessórios”, em oitavo, ganharam participação relevante no período, o que pode ser apontado como uma das razões para a redução no valor do ticket médio.

 

fonte:IDG Now

Anúncios